Arquivos Mensais: Novembro 2007

>Sai

>SaiSó por um momentoPara que eu possa fechar os olhosE acreditar que estou sozinho de novoNão precisas fechar as portasNem precisas tão pouco de dizer adeusFechar os olhos não chega para te calarNem o teu silêncio chega DescansaNenhuma palavra é … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Sai

SaiSó por um momentoPara que eu possa fechar os olhosE acreditar que estou sozinho de novoNão precisas fechar as portasNem precisas tão pouco de dizer adeusFechar os olhos não chega para te calarNem o teu silêncio chega DescansaNenhuma palavra é … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

>Ontem

>OntemEnquanto fingia que saía de perto de tiE na verdade vestia-te no meu silêncioDei por mim a caminhar nos teus passosE a descobrir que este caminho também era teuPareiEnquanto o tempo me fizer decidirConsigo estancar os passos dos desejosE nesta … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Ontem

OntemEnquanto fingia que saía de perto de tiE na verdade vestia-te no meu silêncioDei por mim a caminhar nos teus passosE a descobrir que este caminho também era teuPareiEnquanto o tempo me fizer decidirConsigo estancar os passos dos desejosE nesta … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

>Beija-me

>Beija-meNão me deixes quando te queroNão saias antes de ser diaNão quero que seja diaNão hojeNão vásBeija-meNão pode amanhecer jáNão é justo que a noite seja tão pequenaE se choverE o céu no seu negro trovejarFizer parecer que a noite … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Beija-me

Beija-meNão me deixes quando te queroNão saias antes de ser diaNão quero que seja diaNão hojeNão vásBeija-meNão pode amanhecer jáNão é justo que a noite seja tão pequenaE se choverE o céu no seu negro trovejarFizer parecer que a noite … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized