Arquivos Mensais: Janeiro 2010

Ruas de Outono

Publicado em Uncategorized

Em silêncio

Escrevo e volto a escreverPosso enterrar palavras em madeiraE deixar as marcas de tudo o que sintoPosso escrever um livro e nem contar as páginasPosso dizer-te todas as palavras que conheçoPosso até desenhar as figuras do que sintoPor mais que saiba … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Prado

Publicado em Uncategorized

Andor

Publicado em Uncategorized

Tavira

Publicado em Uncategorized

Aljezur

Publicado em Uncategorized

Tentação

Escolhi de novo a maçã Peguei-a na mão e puxeiA vontade de senti-la não deixou perceber que era cedoPuxei com força e a cegueira de homemE a árvore que crescia delicadaEstendeu o ramo e disseToma-a em tuas mãos e leva-aMas … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Na rua

Era a rua mais escura e mais fria em que te viviaEra a rua mais dura e mais crua em que me deitavaE deitado eram os sonhos que me acordavamE vivia sem sombra de um pesadelo Acordado e deitadoOuvia a noite passar do … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

A smile for a smile

E vens tu Sorriso aberto e alegria no olharMão na mãoE coração aberto à saudadeE estou eu sorriso arrumado no silêncioPasso firme e descansadoCoração amante e apaixonadoE o teu riso do presente e da memóriaAbre o meu e dele a … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized

Tu

Vinha de mansinho a noite pequenaE sorrateira vinha a voz do teu sorrisoSussurrava, bichanava e murmuravaE logo num instante beijavaE aquele anel que junta o escuro e o silêncioAbria-se em arco-irisE iluminava-se a noite no meu olhar O teu sorriso é … Continuar a ler

Publicado em Uncategorized